Arena da Participação Social reuniu mais de 2.500 pessoas em Brasília

Evento de participação social reuniu debates e atividades sobre as agendas ODM, pós-2015 e Marco Regulatório das Organizações da Sociedade Civil.

Saiba mais sobre as oficinas ODM.

Confira aqui como foi a programação.

Conheça também os palestrantes das Oficinas ODM.

23 Maio 2014

do PNUD

A Secretaria Geral da Presidência da República (SG/PR), juntamente com o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) e o Movimento Nacional pela Cidadania e Solidaridade (MNCS), realizaram entre os dias 21 e 23 de maio, o evento Arena de Participação Social e 5ª Edição do Prêmio ODM, no Centro Internacional de Convenções do Brasil (CICB), em Brasília. O evento reuniu mais de 2.000 representantes da sociedade civil, da iniciativa privada, gestores públicos, convidados e autoridades internacionais e nacionais, que debateram sobre a participação social na construção da agenda pautada pelos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio e sobre um novo paradigma de desenvolvimento no pós-2015. 

A cerimônia de abertura contou com a participação dos ministros Gilberto Carvalho (Secretaria Geral da Presidência), Marcelo Neri (Secretaria de Assuntos Estratégicos) e Jorge Hage (Controladoria Geral da União), além de Jorge Chediek (Representante Residente do PNUD e Coordenador Residente da ONU no Brasil) e Ana Paula Zacarias (Chefe da Delegação da União Europeia no Brasil). Também estiveram presentes na solenidade representantes da sociedade civil.

Na quinta-feira (22/5), foram realizadas diversas atividades, painéis e oficinas, tanto sobre o Marco Regulatório das Organizações da Sociedade Civil (MROSC) quanto sobre os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM) e a Agenda Pós-2015.

ODM e Agenda Pós-2015 

Na manhã do segundo dia, acontece o painel Avanços e desafios no cumprimento das metas do milênio. Em seguida, houve o lançamento do novo Portal ODM. Em paralelo, das 9h às 13h, foram realizadas atividades do grupo de Diálogos ODM que visa discutir e estimular a troca de experiências, produção de conhecimento e promoção de boas práticas sobre desenvolvimento sustentável em territórios com mineração, na busca de um desenvolvimento sustentável nestes locais. 

Nove oficinas e uma Mostra de Boas Práticas ODM aconteceram no período da tarde, sobre os seguintes temas: 

- Índice de Desenvolvimento Humano dos Municípios Brasileiros; 
- Portal ODM; 
- Pacto Global e os ODM – Arquitetos para um mundo melhor; 
- Participação Social e Direitos Humanos; 
- Agenda de Compromissos e Municipalização ODM; 
- Convivência e Segurança Cidadã; 
- Municipalização dos ODM; 
- Desenvolvimento Local e Indústria Extrativistas; 
- Governança Social Integrada. 

O encontro foi encerrado na sexta-feira (23/5) com o painel Diálogos sobre a Agenda Pós-2015: A construção dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), que debateu os pontos mais importantes da agenda que substituirá a dos ODM, com base em todo o processo de consultas e negociações resultantes da Rio+20.

5°Prêmio dos Objetivos do Milênio

Na manhã do último dia, a presidenta Dilma Rousseff participou da cerimônia de premiação da 5ª Edição do Prêmio ODM Brasil, que reconheceu - entre mais de mil inscritos - as 30 melhores práticas de gestão municipal e de projetos sociais que contribuem para o alcance das Metas do Milênio, a melhoria da qualidade de vida da população e as transformações sociais no país.
 
Acompanharam a presidenta na cerimônia o Representante Residente do PNUD, Jorge Chediek, o jogador da seleção brasileira Hulk - embaixador dos ODM na Paraíba -, o Secretário-Executivo do Movimento Nacional pela Cidadania e Solidariedade (MNCS), Rodrigo Rocha Loures, além de outros representantes da sociedade civil e de parceiros da iniciativa privada que apoiam a premiação. 

II Seminário Internacional do Marco Regulatório das OSC 

Em paralelo às atividades ODM, a Arena da Participação Social abrigou também as atividades do II Seminário Internacional do Marco Regulatório das Organizações da Sociedade Civil, que teve o objetivo de apresentar o balanço das ações alcançadas na agenda do Marco Regulatório e de construir, de forma participativa, diretrizes e perspectivas para os próximos anos. A meta é de que as organizações da sociedade civil se fortaleçam e possam colaborar cada vez mais com as transformações políticas, sociais e econômicas do país. Neste contexto do II Seminário Internacional, foram realizados 7 painéis nos dias 22 e 23 de maio. Clique aqui para conhecer a programação.


Administração Pública - ODM - Desenvolvimento Sustentável - Desenvolvimento Humano - Agenda Pós-2015